Mito ou verdade: Pilates Emagrece?

O Pilates é uma atividade física que compreende e trabalha o corpo como um todo. Desse modo, é uma atividade completa capaz de fornecer controle consciente de todos os movimentos e proporcionar equilíbrio entre a mente e o corpo.

No início do século XX, surge o método de Pilates com um objetivo nada fácil: unir corpo e mente. Com este desafio nas mãos, Joseph Pilates – idealizador da técnica – levou anos de estudos para projetar uma metodologia capaz de diluir as fronteiras entre o corpo e a psique.

Atualmente, o Pilates torna-se uma das alternativas mais populares entre aqueles que desejam emagrecer. Mas será que este método secular auxilia no emagrecimento? Veja aqui alguns benefícios do Pilates e descubra se esta técnica pode te ajudar a emagrecer de forma natural e saudável. Boa leitura!

Objetivo do Pilates

Ao contrário do que muitos acreditam, o Pilates não foi desenvolvido com o objetivo de ser uma ferramenta de emagrecimento. O Pilates baseia-se em cinco princípios básicos, sendo eles:

  • Respiração
  • Concentração
  • Precisão
  • Controle
  • Fluidez

Com estes princípios respeitados, o Pilates é capaz de alongar e flexibilizar o corpo, além de fortalecer as articulações e a relação entre o interior (mente, alma, psique…) e exterior, ou seja, o corpo.

O Pilates não foi pensado nem desenvolvido como uma técnica voltada a perda de peso. Nascido muito antes da popularização da magreza como padrão de beleza, o Pilates é considerado atualmente como um método interessante para aqueles que desejam emagrecer devido ao seu trabalho corporal, entretanto, é importante ressaltar que este não é nem nunca foi seu objetivo fim.

Mulher praticando pilates em frente a janela da academia com uma bola ao fundo

Pilates ajuda na perda de peso?

Sim, é possível afirmar que o exercício de Pilates pode auxiliar no emagrecimento, apesar de não ser este seu foco.

De acordo com estudo realizado pelo norte-americano Hallsworthk, a prática de exercícios físicos de resistência – como o caso do Pilates – durante 8 semanas de forma disciplinada pode diminuir a gordura do fígado em 13%. Isso ocorre devido a perda de calorias ocasionada pelos exercícios de resistência física.

Um dos principais benefícios do Pilates é a melhora no funcionamento do organismo através da aceleração do metabolismo. Além do equilíbrio do corpo, esta aceleração ajuda no emagrecimento devido a exclusão das substâncias que não beneficiam o organismo.

Desse modo, apesar do Pilates não gerar perda de gordura, este método promove a queima de calorias e, por isso, é considerado como um método indireto de emagrecimento.

Entretanto, nenhuma técnica isolada será capaz de gerar resultados promissores quando o assunto é a perda de peso se não estiver associado a um planejamento mais amplo.

Para o emagrecimento saudável e sem riscos, não há melhor alternativa que a tradicional: associação entre dieta equilibrada e prática de exercícios físicos. Busque um profissional para auxiliar na construção de uma dieta equilibrada e balanceada de acordo com seus objetivos e seu caso e, preferencialmente, procure outra atividade física com maior gasto calórico para ser associada ao Pilates, caso seu objetivo esteja focado na perda de peso.

Algumas atividades físicas interessantes para a perda de peso são:

  • Natação
  • Caminhada
  • Corrida

Caso possua interesse e disponibilidade disciplinar, financeira e de tempo, a academia pode se mostrar como uma ferramenta importante para o desenvolvimento de uma rotina regrada e com maior foco na perda de peso.

Pilates e obesidade

A obesidade é uma das doenças que mais cresce na atualidade brasileira e mundial. Sendo considerado pelo Ministério da Saúde como um problema de saúde pública, a obesidade está associada ao desenvolvimento de outras problemáticas de saúde, tais como:

  • Hipertensão
  • Diabetes
  • Apneia obstrutiva do sono
  • Doenças cardiovasculares

Estudos da última década demonstram a eficácia do método de Pilates entre pacientes com sobrepeso e obesidade. De acordo com as estudiosas, a prática de Pilates durante 8 semanas promoveu nos participantes:

  • Redução significativa da massa gorda
  • Redução significativa da circunferência da cintura e quadril
  • Aumento da massa magra

Devido a estes achados científicos recentes, o Pilates vem sendo considerado um dos métodos mais relevantes para tratamento de obesos no que tange a exercícios físicos.

Conclusão

Apesar do Pilates não ter como principal objetivo a perda de massa gorda, este método popularizou-se entre aqueles que desejam emagrecer.

Pode-se afirmar que o Pilates auxilia no emagrecimento, desde que associado a um plano mais amplo de hábitos e atividades que possuam o mesmo foco. A melhor forma de garantir emagrecimento saudável e sem correr riscos é buscar por ajuda profissional e construir um planejamento que leve em consideração seus objetivos e suas particularidades.

Outros benefícios do Pilates são:

  • Aumento da resistência física e mental
  • Aumento da flexibilidade corporal
  • Correção da postura
  • Aumento da concentração
  • Tonifica musculatura
  • Melhora coordenação motora
  • Alivia dores musculares
  • Melhora respiração
  • Prevenção contra osteoporose
  • Promove relaxamento e bem estar
  • Eleva a autoestima
  • Auxilia na eliminação de toxinas e drenagem linfática

Conhecia todos os benefícios do Pilates? Deixe um comentário e divulgue estas informações!

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *