Ansiedade Engorda?

A ansiedade pode ser descrita como uma sensação emocional de sofrimento, definido pela expectativa de um acontecimento inesperado e perigoso, à frente da qual o indivíduo se acha indefeso. Ela é produzida à partir do ponto em que uma pessoa sente preocupação, tensão, medo ou qualquer outro sentimento em excesso.

A ansiedade tem sido associada ao aumento de gordura corporal por causar alterações hormonais e estimular alguns hábitos que favorecem o ganho de peso. Entenda como isso acontece.

O que é ansiedade?

A ansiedade é resposta emocional provocada por algum receio, causando uma sensação desagradável que surge quando o medo é estimulado. É sentimento comum entre as pessoas, e se apresenta em diferentes níveis, sendo considerada saudável em condições normais, pois permite uma preparação para lidar com algumas circunstâncias. No entanto, quando é persistente é intensa, pode ser prejudicial tanto para a saúde mental quanto para a física.

Existem várias teorias a respeito da origem da ansiedade. A Medicina a explica como sendo uma desordem química no cérebro que provoca pânico, a Psicanálise a relaciona com experiências não resolvidas na infância e a Psicologia a associa à interpretação das situações e acontecimentos que podem resultar em sentimentos negativos. Independente do que a desencadeia, ela afeta o organismo em todos os aspectos comportamentais, fisiológicos e emocionais.

ansiedade

Sintomas

Psicológicos

  • Medos Irracionais;
  • Autoconsciência exagerada;
  • Excesso de preocupação sem fundamento;
  • Perfeccionismo;
  • Lembranças negativas.

Fisiológicos

  • Insônia;
  • Tensão muscular;
  • Enjoo e tontura;
  • Taquicardia;
  • Sudorese;
  • Cefaleia;
  • Respiração Acelerada;
  • Aumento de gordura corporal.

Por quê a ansiedade engorda?

A ansiedade realmente pode engordar, pois aumenta a produção do cortisol, conhecido como o hormônio do estresse, que estimula a produção de gordura no organismo. Isso ocorre pois, em situações estressantes, o corpo tem a tendência de produzir reservas de energia na forma de gordura, assim, o organismo manteria um estoque calórico para ser utilizado em casos de necessidade.

Além do mais, o cortisol causa uma sensação de cansaço e desânimo diminuindo a motivação para hábitos saudáveis, como a prática de atividade física e boa alimentação.

A ansiedade também desencadeia compulsão alimentar, criando a necessidade do consumo de alimentos que estimulam a produção de serotonina, um hormônio que gera a sensação de bem estar no organismo, e alivia momentaneamente os sintomas. Esses alimentos, geralmente, são doces, pães, massas e outras fontes de carboidratos e açúcar. Isso causa um grande aumento no consumo de calorias e obviamente leva ao ganho de peso.

Como controlar a ansiedade

Pratique atividades físicas: A melhor maneira de controlar a ansiedade é a prática frequente de exercícios físicos . Praticar atividades físicas ajuda a lidar com estados de ansiedade porque eleva a produção de serotonina, substância que aumenta a sensação de prazer e diminui o estresse. Uma simples caminhada diária de alguns minutos já ameniza os sintomas de ansiedade.

Invista em 8 horas de sono: Dormir adequadamente é fundamental para o equilíbrio físico e emocional, sendo muito importante para ajudar no controle de ansiedade

Diminua o consumo de cafeína: Apesar dos benefícios do café, em excesso, pode causar aumento da frequência cardíaca, inquietação, insônia, e também, aumento dos níveis de cortisol.

Faça exercícios de respiração: O controle da respiração pode reduzir as reações do sistema nervoso autônomo. Isto pode ser feito inspirando lentamente pelo nariz, com a boca fechada. Ao inspirar deixar o abdome expandir-se, ou seja, usar o diafragma. Depois, expirar lentamente, expelindo o ar pela boca.

Consuma alimentos ricos em triptofano: O triptofano é um aminoácido precursor da serotonina. As principais fontes de triptofano são peixes, peru, e ovos. Nozes e sementes são formas interessantes de completar a sua ingestão nos intervalos entre as refeições, pois são saborosas e fáceis de serem levadas em qualquer lugar. Outra possibilidade é ingerir o triptofano em cápsulas, junto com vitamina B6 e magnésio.

É importante lembrar que alguns casos de ansiedade precisam de acompanhamento médico e psicológico para o seu tratamento, podendo também ser necessário o uso de medicamentos.

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *